Sistema de Fachada


Sistema de muro cortina com isolamento térmico. Com uma secção vista interior de apenas 18 mm, tanto nos montantes como nas travessas, este novo sistema de fachada apresenta uma estética elegante e minimalista, que prevê uma total entrada de luz no interior do edifício. 

O vidro é aplicado e fixado por intermédio de um perfil de alumínio tanto na vertical como na horizontal, de tal forma que a secção vista exterior é de 52mm e a interior de apenas 18 mm.
DADOS TÉCNICOS:
  • Envidraçamento 
Máximo envidraçamento: 40 mm.

É recomendável usar vidro exterior temperado e de controlo solar.
                                       
  • Coeficiente térmico 

Rotura de Ponte Térmica de 24 mm.

 Ucw desde 0,6 (W/m²K)

Consultar dimensão e vidro 
Nova geração de fachada formada por um sistema de base com ampla gama de montantes e travessas que dá resposta às diferentes necessidades estéticas e construtivas dos projetos arquitectónicos através de soluções integrais. 

Nesta 
fachada SST 52 o vidro estará fixo mecanicamente a um bastidor perimetral e é graças a um embelezador exterior que é assegurada a estabilidade do vidro, neste caso não é necessária uma ficção química com silicone estrutural.

A sua estética exterior tem uma junta aberta e uma moldura de alumínio sobre o vidro, sendo a primeira barreira de estanquidade uma junta de EPDM instalada perimetralmente em cada módulo.
DADOS TÉCNICOS:
  • Envidraçamento 
Máximo envidraçamento: 30 mm.

Mínimo envidraçamento: 6 mm.
                                       
  • Coeficiente térmico 

Rotura de Ponte Térmica de 18 mm.

 Ucw desde 0,8 (W/m²K)

Consultar dimensão e vidro 


  • Categorias 
Permeabilidade ao ar (UNE-EN 12152:2000): 

CLASSE AE
 
Estanquidade à água (UNE-EN 12154:2000): 

CLASSE RE750
 
Resistência à carga de vento (UNE-EN 13116:2001): 

CLASSE APTO

(Carga de desenho 1200 Pa- Carga de segurança 1800 Pa)

Ensaio de referência 3,00 x 3,50 m.
Nova geração de fachadas formadas por um sistema de base com ampla gama de montantes e travessas que dá resposta às diferentes necessidades estéticas e construtivas dos projetos arquitetónicos através de soluções integrais. 

Nesta fachada ST 52 o vidro estará colado a um bastidor de alumínio com silicone estrutural. A fixação do conjunto vidro-bastidor à estrutura portante e feita com pequenas peças de alumínio. 

Este sistema oferece o mesmo aspecto, tanto em vidros fixos como nos que abrem quer pelo exterior como pelo interior. 

DADOS TÉCNICOS:
  • Envidraçamento 
Máximo envidraçamento: 38 mm.

Mínimo envidraçamento: 6 mm.
                                       
  • Coeficiente térmico 

 Ucw desde 0,7 (W/m²K)

Consultar dimensão e vidro 


  • Categorias 
Permeabilidade ao ar (UNE-EN 12152:2000): 

CLASSE AE
 
Estanquidade à água (UNE-EN 12154:2000): 

CLASSE RE750
 
Resistência à carga de vento (UNE-EN 13116:2001): 

CLASSE APTO

(Carga de desenho 1200 Pa- Carga de segurança 1800 Pa)

Ensaio de referência 3,00 x 3,50 m.
Nova geração de fachadas formadas por um sistema de base com ampla gama de montantes e travessas que dá resposta às diferentes necessidades estéticas e construtivas dos projetos arquitetónicos através de soluções integrais. 

A sua perfilaria de base, de 16 mm a 250 mm nos montantes e de 22.5 mm a 255.5 mm nas travessas, assim como os acessórios complementares, são comuns a todas as novas fachadas CORTIZO. A ampla gama destes perfis e de uniões mecânicas dos mesmos, permite a execução de todo tipo de fachadas (na vertical, com inclinação, em esquina a 90º ou poligonais), assim como a resolução de modelações com vidros de grandes dimensões e peso.
Esta fachada TP 52 é um sistema tradicional, também conhecido como sistema Stick. A fixação do vidro à perfilaria portante é feita por intermédio de um perfil pressor continuo, aparafusado pelo exterior a um porta parafusos incorporado nos montantes e travessas para o efeito. O vidro fica fixo nos seus quatro lados mediante este perfil, que dispões de borrachas separadoras para impedir o contacto vidro-metal. Perfil pressor e parafusos ficam escondidos por um perfil embelezador exterior continuo denominado tapeta.
A máxima Rotura de Ponte Térmica de 30 mm, unida à sua grande capacidade de envidraçamento, até 50 mm, com composições de vidro de grandes espessuras y energeticamente eficientes, conferem a esta nova gama de fachadas umas excelentes prestações térmicas e acústicas.

A sua secção vista exterior coincide com a interior, sendo de 52 mm.


Certificação CWCT segundo normalização britânica
DADOS TÉCNICOS:
  • Envidraçamento 
Máximo envidraçamento: 50 mm.

Mínimo envidraçamento: 4mm.
                                       
  • Coeficiente térmico 

Rotura de Ponte Térmica de 6, 12 e 30 mm.

 Ucw desde 0,6 (W/m²K)

Consultar dimensão e vidro 


  • Categorias 
Permeabilidade ao ar (UNE-EN 12152:2000): 

CLASSE AE
 
Estanquidade à água (UNE-EN 12154:2000): 

CLASSE RE1500
 
Resistência à carga de vento (UNE-EN 13116:2001): 

CLASSE APTO

(Carga de desenho 2000 Pa- Carga de segurança 3000 Pa)
 
Ensaio de referência 3,00 x 3,50 m.
Nova geração de fachadas formadas por um sistema de base com ampla gama de montantes e travessas que dá resposta às diferentes necessidades estéticas e construtivas dos projetos arquitetónicos através de soluções integrais. 

A sua perfilaria de base, de 16 mm a 250 mm nos montantes e de 22.5 mm a 255.5 mm nas travessas, assim como os acessórios complementares, são comuns a todas as novas fachadas CORTIZO. A ampla gama destes perfis e de uniões mecânicas dos mesmos, permite a execução de todo tipo de fachadas (na vertical, com inclinação, em esquina a 90º ou poligonais), assim como a resolução de modelações com vidros de grandes dimensões e peso.

Esta fachada TPH 52 é um sistema misto que nasce da combinação da TP 52e da SG 52. Neste sistema mantem-se as capas pressoras nas horizontais ressaltando a trama neste sentido, enquanto que a fixação do vidro na vertical é feita por intermédio das peças em alumínio aparafusadas ao montante juntamente com o perfil -U.
 
A máxima Rotura de Ponte Térmica de 30 mm, unida à sua grande capacidade de envidraçamento, até 44 mm, com composições de vidro de grandes espessuras y energeticamente eficientes, conferem a esta nova gama de fachadas umas excelentes prestações térmicas e acústicas.

Certificação CWCT segundo normalização britânica
DADOS TÉCNICOS:
  • Envidraçamento 
Máximo envidraçamento: 44 mm.

Mínimo envidraçamento: 6 mm.
                                       
  • Coeficiente térmico 

Rotura de Ponte Térmica de 6, 12 e 30 mm.

 Ucw desde 0,6 (W/m²K)

Consultar dimensão e vidro 


  • Categorias 
Permeabilidade ao ar (UNE-EN 12152:2000): 

CLASSE AE
 
Estanquidade à água (UNE-EN 12154:2000): 

CLASSE RE1500
 
Resistência à carga de vento (UNE-EN 13116:2001): 

CLASSE APTO

(Carga de desenho 2000 Pa- Carga de segurança 3000 Pa)

Ensaio de referência 3,00 x 3,50 m.
Nova geração de fachadas formadas por um sistema de base com ampla gama de montantes e travessas que dá resposta às diferentes necessidades estéticas e construtivas dos projetos arquitetónicos através de soluções integrais. 

A sua perfilaria de base, de 16 mm a 250 mm nos montantes e de 22.5 mm a 255.5 mm nas travessas, assim como os acessórios complementares, são comuns a todas as novas fachadas CORTIZO. A ampla gama destes perfis e de uniões mecânicas dos mesmos, permite a execução de todo tipo de fachadas (na vertical, com inclinação, em esquina a 90º ou poligonais), assim como a resolução de modelações com vidros de grandes dimensões e peso.

Esta fachada 
TPV 52 é um sistema misto que nasce da combinação da TP 52e da SG 52. Neste sistema mantem-se as capas pressoras nas verticais ressaltando a trama neste sentido, enquanto que a fixação do vidro na horizontal é feita por intermédio das peças em alumínio aparafusadas ao montante juntamente com o perfil -U.
A máxima Rotura de Ponte Térmica de 30 mm, unida à sua grande capacidade de envidraçamento, até 44 mm, com composições de vidro de grandes espessuras y energeticamente eficientes, conferem a esta nova gama de fachadas umas excelentes prestações térmicas e acústicas.
DADOS TÉCNICOS:
  • Envidraçamento 
Máximo envidraçamento: 44 mm.

Mínimo envidraçamento: 6 mm.
                                       
  • Coeficiente térmico 

Rotura de Ponte Térmica de 6, 12 e 30 mm.

 Ucw desde 0,6 (W/m²K)

Consultar dimensão e vidro 


  • Categorias 
Permeabilidade ao ar (UNE-EN 12152:2000): 

CLASSE AE
 
Estanquidade à água (UNE-EN 12154:2000): 

CLASSE RE1500
 
Resistência à carga de vento (UNE-EN 13116:2001): 

CLASSE APTO

(Carga de desenho 2000 Pa- Carga de segurança 3000 Pa)

Ensaio de referência 3,00 x 3,50 m.

© 2019 SSD | Todos os direitos reservados